Um Site Popular Para Mulheres Modernas, Que Vai Ajudar Qualquer Mulher Sovoyu Mudar Vidas Para Melhor

Símbolos de Natal: origens e significado

Quais s√£o os s√≠mbolos do Natal? Aqui est√° a lista completa e sua hist√≥ria, descubra de onde v√™m algumas das tradi√ß√Ķes mais conhecidas

Símbolos do Natal

√Ārvore, visco, coroa do advento, estes s√£o os principais s√≠mbolos que, ano ap√≥s ano, reaparece nas casas de milh√Ķes de italianos √† medida que o Natal se aproxima. N√≥s somos sem d√ļvida, um povo profundamente ligado a tradi√ß√Ķes, que s√£o transmitidos de gera√ß√£o em gera√ß√£o s√≥lida e inalterada, por outro lado, que o Natal seria sem um √°rvore festivamente decorada para aquecer a casa e os cora√ß√Ķes dos seus ocupantes ?! Mas o que talvez nem todos saibam √© o pano de fundo daqueles s√≠mbolos para n√≥s t√£o queridos, como suas origens e significados mais profundos. Se voc√™ est√° curioso para saber como eles nasceram hoje Tradi√ß√Ķes natalinas, aqui est√° uma vis√£o geral cheia de anedotas e curiosidades que ir√° apresent√°-lo de uma maneira mais consciente para os feriados muito amados.

  • √Ārvore de natal hoje s√≠mbolo do Natal por excel√™ncia, a √°rvore tem sido h√° mil√™nios, e em v√°rias culturas, considerada importante s√≠mbolo da vidae, como tal, sentiu-se muito durante as celebra√ß√Ķes do solst√≠cio de inverno; momento que marca a transi√ß√£o da esta√ß√£o fria, unida √† morte, √† primavera e ao renascimento da natureza. Assim, a figura da √°rvore aparece em numerosos costumes pag√£os e rituais, dos eg√≠pcios ligados ao culto de "Sol Invictus", para os romanos dedicados ao deus Mitra, passando pelas tradi√ß√Ķes celtas e pelos Saga Nibelung. Durante a Idade M√©dia, muitas das antigas tradi√ß√Ķes pag√£s foram reinterpretadas em uma chave crist√£, e as do solst√≠cio de inverno foram substitu√≠das pelas do cristianismo. Santo Natal. Os s√≠mbolos desses festivais antigos, queridos pelos povos durante s√©culos, foram mantidos quase intactos, e eis que durante o "Adam und Eva Spiele" (jogos de Ad√£o e Eva), consistindo de encena√ß√£o real que teve lugar no adro da igreja na v√©spera de Natal, o√°rvore do fruto do pecado √© representado como um abeto, em cujos galhos ma√ß√£s (s√≠mbolo do pecado) foram inicialmente pendurados, flanqueados por hostes (representando o sacrif√≠cio de Jesus), ent√£o substitu√≠dos ao longo do tempo por bolos de natal caseirosdecorado com pap√©is coloridos (s√≠mbolo das oferendas dos magos). Nas regi√Ķes do norte, em que a arte da fabrica√ß√£o de vidro foi generalizada, foram finalmente adicionados bolas de vidro coloridas e velasinspirado pelo motivo do Evangelho de "Cristo, a luz do mundo". √Č assim que, ao longo dos s√©culos, alcan√ßamos o√Ārvore de natal adornado e iluminado que hoje todos n√≥s recebemos na casa.
  • Coroa do advento. Quanto √† coroa do Advento, ela √© composta de uma coroa retorcida de galhos verdes, que cont√™m quatro velas, uma para cada um dos domingos do Advento. Sua simbologia tem suas ra√≠zes na distante Escandin√°via, para depois se espalhar entre os cat√≥licos e protestantes do norte da Europa a partir de 1600, para simbolizar Jesus, a luz que veio ao mundo. o forma circular da coroa √© um s√≠mbolo de eternidade e unidadedo sol e seu ciclo anual, numa reprodu√ß√£o cont√≠nua, sem nunca se esgotar; como tamb√©m um s√≠mbolo de realeza e vit√≥ria: neste caso do vit√≥ria da luz de Jesus contra o mal. Os galhos verdes s√£o, ao contr√°rio, um s√≠mbolo de vida e esperan√ßa, enquanto as quatro velas simbolizam a luz no meio das trevas, ou a salva√ß√£o trazida por Jesus: a ilumina√ß√£o de cada vela indica a vit√≥ria progressiva da Luz sobre as trevas, ligada √† cada vez mais pr√≥xima vinda do Messias. Tamb√©m eu cores do mesmo n√£o s√£o aleat√≥rios: vermelho e roxo s√£o de fato s√≠mbolo do amor de jesus e de penit√™ncia e convers√£o. o Coroa do advento √©, portanto, um hino √† natureza que retorna √† vida, √† luz que vence as trevas e a um hino a Cristo, a verdadeira luz, que derrota as trevas do mal e da morte, tornando-se parte da tradi√ß√£o simb√≥lica das festividades do solst√≠cio de inverno, para o qual S. Natal chegou a se sobrepor.
  • Mistletoe. Finalmente chegamos ao visco, planta s√≠mbolo da vida e do amor que derrota a morte; bem como prote√ß√£o, amor e sorte. Durante as f√©rias, costumamos pendurar os galhos desse arbusto na porta da casa ou inseri-los nos pacotes de presentes como sinal de boa sorte. Tamb√©m neste caso seu valor simb√≥lico tem origens muito antigas e nos atinge diretamente da mitologia celta do norte da Europa: a lenda diz que o visco √© particularmente caro √† deusa do amor Freya, esposa de Odin e m√£e de Loki e Balder. Quando o primeiro matou seu amado irm√£o, as l√°grimas de Freya se transformaram em frutos brancos em contato com o visco e Balder voltou √† vida. Freya decidiu prestar homenagem a quem passa sob o visco com um beijo, obtendo prote√ß√£o, amor e sorte.

Lista de símbolos e cores do Natal

  • Natal
  • √Ārvore de natal
  • Estrela natal
  • grinalda
  • vermelho
  • ouro
  • prata

NÃO PERDER

  • Papai Noel
  • Can√ß√Ķes de natal
  • Sauda√ß√Ķes de natal
  • √Ārvore de natal
  • Mercados de Natal 2018
  • Tarefas de Natal
  • Presentes de natal
  • Doces de natal

V√≠deo: O SIGNIFICADO DOS S√ćMBOLOS DO NATAL Jo√£o Guarizo

ÔĽŅ
Menu