Um Site Popular Para Mulheres Modernas, Que Vai Ajudar Qualquer Mulher Sovoyu Mudar Vidas Para Melhor

Argumentando em pares: as maneiras certas de discutir com seu parceiro

Argumentando em pares: as formas certas de discutir com o seu parceiro. TĂ©cnicas experimentadas e bem sucedidas por terem conquistado o territĂłrio amoroso. Do silĂȘncio para a cena da mĂŁe

Argumentando em pares: as maneiras certas de discutir com seu parceiro

Gritos, batidas de portas, rostos longos, cenas, vendetas sutis, silĂȘncios, despedidas falsas, reflexĂ”es, trĂ©guas, reinĂ­cios. Argumentar parece ser algo instintivo e visceral, mas por trĂĄs de explosĂ”es, fugas e bandeiras brancas hĂĄ uma verdadeira mistura de estratĂ©gias e comportamentos atravĂ©s dos quais muitas vezes tentamos alcançar o efeito desejado: comunicar necessidades, fazer as pazes, mas tambĂ©m ferir ou estar certo. E se nĂŁo houver regras durante a guerra, certamente os truques sĂŁo abundantes, especialmente em territĂłrio amoroso. Aqui estĂŁo todas as tĂ©cnicas de discussĂŁo que vocĂȘ pode usar para sair de um "conflito de mĂŁo dupla".

SilĂȘncio e aniquilação psicolĂłgica

  • A maneira real de acertar Ă© ignorar. Anos e anos de debates e programas de TV americanos nos ensinaram que a indiferença total gera um colapso psicolĂłgico quase certo no ser humano que o sofre. Esta estratĂ©gia baseia-se em fingir que o outro nĂŁo existe, mesmo fisicamente, se necessĂĄrio. Mesmo com o custo de subir por cima quando passa. Bom quando: essas atitudes sĂł ocorreram com sujeitos enfraquecidos por sentimentos de culpa ou acostumados a seus rios de palavras. Em suma, a tĂ©cnica deve se deslocar.
  • Fraquezas: Ă© preciso paciĂȘncia e tempo. E quem pĂĄra cedo demais para ignorar perde credibilidade.

A vingança transversal

Se vocĂȘ quiser fazer algo coxo, pergunte a si mesmo para mancar. O provĂ©rbio nĂŁo estava certo, mas o significado Ă© claro. Para mostrar a alguĂ©m que nos desapontou e nos feriu o que estamos sentindo, copiar sua atitude e piorar as coisas, em um ato de extrema vingança, pode ser muito eficaz. Às vezes atĂ© muito estĂșpido, claro. Mas se em vez de reclamar mantenha a calma e ao mesmo tempo, torna-se panela para focaccia, o resultado pode ser educacional.

  • Bom quando: queremos deixar claro que fomos feridos por motivos tolos. Mas isso leva um limite. Trair ele com seu melhor amigo porque ele flertou com seu colega nĂŁo Ă© um bom remĂ©dio.
  • Fraquezas: Ă s vezes vocĂȘ arrisca tornar tudo pior

Como se comunicar com o parceiro da maneira certa

A cena da mĂŁe com fuga

A cena da mĂŁe com uma fuga final Ă© um dos cult napolitanos, mas Ă© bom mesmo se vocĂȘ mora em Voghera. Os pontos-chave dessa tĂ©cnica sĂŁo: fazĂȘ-lo se sentir culpado com discursos e silĂȘncios submissos; ser levado de volta para casa ou perto, a menos que vocĂȘ queira fazĂȘ-lo a pĂ©, porque uma vez fora, vocĂȘ estĂĄ fora; para dizer uma frase total e absoluta, daqueles inesquecĂ­veis e um pouco como filmes; jogue um Ășltimo toque e depois saia do carro ou fora de casa, nunca se virando.

  • Bom quando: a discussĂŁo se concentra em tĂłpicos sobre os quais vocĂȘ tem uma razĂŁo esmagadora. Pontos fortes: excelente estratĂ©gia para fazer as pessoas se sentirem culpadas.
  • Fraquezas: se o relacionamento estiver em sua infĂąncia, ele pode nĂŁo estar procurando por vocĂȘ novamente. E em qualquer caso, hĂĄ que andar. alternativa: A cena da mĂŁe com soluços.

A greve: fome (his), sexo, etc. etc.

Ele nĂŁo te escuta? EntĂŁo, adeus macarrĂŁo com molho de carne. NĂŁo ouça as suas necessidades mais Ă­ntimas? OlĂĄ hello sex. VocĂȘ esqueceu uma data importante? Ele terminou de limpar a casa. Punição exemplar Ă© por direito as tĂ©cnicas de disputa mais eficazes. Se vocĂȘ tem uma razĂŁo ou nĂŁo, nĂŁo conta, fechando as notas de aula ou enviando-a em branco terĂĄ seu efeito.

  • Bom quando: ele claramente nĂŁo pode fazer sem o que ele privou.
  • Fraquezas: talvez nĂŁo caia no gancho e vocĂȘ se encontraria sozinho, faminto, em uma casa suja e atĂ© em abstinĂȘncia erĂłtica.

Argumentando em pares, aqui estão as razÔes mais frequentes

O documento anti-litigado

Um truque que o desagrada quando ele espera sua explosĂŁo Ă© fazer tudo para evitĂĄ-lo. Aumentando atĂ© a dose de doçura. Este contra-ataque melĂ­fero terĂĄ o efeito de assegurar-lhe que vocĂȘ nĂŁo estĂĄ sempre em pĂ© de guerra, mas sim, vocĂȘ estĂĄ pronto para refazer seus passos.

  • Bom quando: hĂĄ pequenas coisas em jogo, nĂŁo grandes questĂ”es (atrasos, esquecimentos, olhares lĂąnguidos para o caixa).
  • Fraquezas: impossĂ­vel de usar devido a problemas graves, vocĂȘ nĂŁo seria credĂ­vel e vocĂȘ correria o risco de deixar questĂ”es importantes nĂŁo resolvidas

Gritar com bile

Se vocĂȘ chegou a esse ponto na discussĂŁo em que tem a sensação de que nĂŁo hĂĄ saĂ­da, pare de pronunciar qualquer sĂ­laba e comece a emitir um Ășnico som muito longo e irritante, gritando. Gritar atĂ© o final do ar dos pulmĂ”es Ă© uma estratĂ©gia inquietante, que provavelmente nĂŁo vai resolver o problema, mas vai fazer vocĂȘ se sentir muito, muito leve. E talvez, naqueles longos minutos em que ninguĂ©m quer poder dizer nada (porque vocĂȘ grita, porque ele estĂĄ aterrorizado), vocĂȘ tambĂ©m se lembra da verdadeira razĂŁo pela qual estava discutindo. E vocĂȘ se pergunta se vale a pena.

  • Bom quando: vocĂȘ nĂŁo sabe como sair disso.
  • Fraquezas: ele pode se arriscar a surdez ou te deixar louco

VĂ­deo: Leandro Karnal | NĂŁo perca tempo com gente babaca

ï»ż
Menu